NOTÍCIAS

ENCONTRO FOC

Faculdades Oswaldo Cruz em parceria com o ISIC/Vita Derm sedia o "Encontro de Inovação em Cosmetologia Estética"

Profissionais, acadêmicos, alunos e mídia marcaram presença e conheceram as tendências da Cosmetologia Estética

O mercado da Estética vem mudando, hoje é um negócio e requer profissionais com diversas habilidades. Exige muito mais do que apenas saber fazer uma limpeza de pele, uma hidratação. É necessário um conhecimento aprofundado que vai desde a concepção de um produto até saber administrar o negócio.
É fundamental que os profissionais da área de Estética, além de gostar do que fazem, tenham conhecimentos científicos e anatômicos do corpo humano, além de noções de cosmetologia e princípios ativos de cada cosmético.
A moda dita que saúde e beleza são essenciais para o bem-estar pessoal, por isso, cada vez mais as pessoas procuram se tratar com esses especialistas. Sem contar os clientes, que cada vez mais exigem ser tratados por quem entende do assunto.

Diante deste cenário, o Centro Técnico Vita Derm fez uma parceria com as Faculdades Oswaldo Cruz e realizaram o "Encontro de Inovação em Cosmetologia Estética", que aconteceu no Auditório Hirondel,  desta instituição de ensino, em São Paulo.

O encontro contou com a presença de profissionais e acadêmicos das áreas de Estética, Saúde e Mídia do segmento da Cosmetologia Aplicada no Universo da Beleza.
O Dr. Marcelo Schulman abriu o evento explicando que o Encontro de Inovação em Cosmetologia Estética é de extrema importância, pois o objetivo foi reunir profissionais das áreas da Beleza e Saúde em torno do tripé: Educação, Indústria e Mercado. Quando se trata de beleza tudo gira em 360°, se referindo ao trabalho de pesquisa e desenvolvimento, ativos e matérias-primas, envolvendo os profissionais da área.
"Além de palestras de inovação e tendências, queremos também criar pesquisas inovadoras, atividades de qualificação complementar na área, além dos cursos virtuais e presenciais e eventos que serão divulgados em todo o Brasil, tudo isso com o apoio das Faculdades Oswaldo Cruz, ações fundamentais para todo o segmento", afirmou.
O Dr. Marcelo Schulman falou sobre o lançamento, em fevereiro de 2017, do Curso - Estágio de Qualificação Complementar em Cosmetologia Estética: Da Pesquisa & Desenvolvimento à Aplicabilidade Teórica e Prática.
Este curso tem por objetivo aprimorar o conhecimento em 5 Dimensões na Cosmetologia Estética: formulação, bases cosméticas e cosmecêuticas, ativos, bioengenharia cutânea e capilar, gestão e aplicabilidade.
Esta iniciativa é inovadora, pois os organizadores acreditam que não há um curso com formato similar no Brasil. Os participantes terão vivências completas definidas como 5 dimensões, com periodicidade regular e experiências práticas.

O Dr. Marcelo Schulman falou também da necessidade dos profissionais se qualificarem, principalmente porque o cliente mudou, está mais exigente e em relação à aparência, aos produtos e profissionais. Daí a importância da regulamentação da profissão, que já foi aprovada pela Câmara dos Deputados e o texto segue para o Senado, estando a um passo de ser aprovado, fato fundamental para assegurar a qualificação necessária à prestação de serviços e o principal beneficiado é o cliente que terá segurança na realização dos procedimentos.
Estiveram presentes no evento a Professora de Cosmetologia da UNIFESP, Vânia Leite, a Professora de Cosmetologia das Faculdades Oswaldo Cruz, Sara Gonçalves, Patricia Andrei Saslavsky, Farmacêutica e Consultora em Pesquisa e Desenvolvimento, da Vita Derm, Marcelo Flores, diretor da Playcorp, Murilo Marques, Sales Advisor da Nürnberg Messe, entre outros.
As palestras tiveram início com o Prof. Dr. Paulo Roberto Miele, Diretor da Faculdade de Ciências Farmacêuticas e Bioquímicas Oswaldo Cruz, com o tema "A Farmácia como Parceira da Estética".


O Dr. Paulo Roberto Miele fez um breve histórico, lembrandoque em 1980, o cenário de Faculdades de Farmácia de SP era carente de cursos de formação profissional, com exceção das Faculdades Públicas. Utilizando a experiência anterior da Instituição em cursos de Química e Engenharia Química, já consolidados na Oswaldo Cruz, seus diretores se empenharam na implantação de um curso que se tornaria referência em Farmácia-Bioquímica no ensino privado no país. A primeira turma ingressou em 1981.


O Professor destacou a importância e a qualidade da parceria com a Vita Derm, "O desenvolvimento dos cursos de Farmácia deu sustentação aos cursos de Pós-Graduação em diversas áreas, como na Cosmetologia. Nosso objetivo é firmar parcerias de qualidade para novos cursos, como a estabelecida com o Dr. Marcelo Schulman que possui grande now how na área", disse.

Um outro projeto que ganha força é a Bolsa de Estudos, uma parceria da Vita Derm e ISIC com as Faculdades Oswaldo Cruz, beneficiando alunos de baixa renda.
Em seguida foiz a vez do Dr. Adriano S. Pinheiro, Químico e Diretor de Projetos da Kosmoscience, especializada em avaliação da eficácia de cosméticos, com a abordagem "Bioengenharia Cutânea - A importância da Comprovação da Segurança e Eficácia em Produtos Cosméticos - A Tecnologia Aplicada na Prática".   

Durante a palestra, o Dr. Adriano S. Pinheiro discorreu desde a academia até o que há de mais moderno para a eficácia de produtos cosméticos. Explicou sobre a evolução tecnológica por que passa um determinado produto, pois a dinâmica da renovação de produto ocorre a cada seis meses.  Outro ponto foram as queixas de consumidores, uma vez que há um pool de reclamações dos clientes, devido a negligência das regras básicas de determinados produtos, o que reflete na indústria de cosméticos que tenta evitar possíveis reações adversas nos usuários de seus produtos. Existem hoje 20 diferentes produtos por dia e 200 compostos químicos de natureza e comportamentos específicos. E 13 mil matérias-primas e 30 mil diferentes denominações.
"Os fabricantes são responsáveis pela introdução de produtos no mercado, compete a eles a segurança dos produtos, cuidando dos testes e da rotulação", pontuou.
Outra palestra de destaque foi a "Inovação e Tendências em Cosmetologia Estética", da Catherine Fabbron, Farmacêutica e Supervisora do Laboratório de Aplicação da AQIA Química Industrial Ltda. e Professora no curso de Graduação em Tecnologia de Cosméticos nas Faculdades Oswaldo Cruz.


Catherine Fabbron explicou a importância de olhar o consumidor de um jeito diferente, trazendo ideiais inovadoras e sustentáveis, que agreguem valor a produtos e serviços gerando novos negócios às empresas. "O novo consumidor quer mais experiência (individualidade e personalização), inovações mais poderosas, foco no bem-estar e físico", informou.
A Supervisora destacou dados interessantes com o público jovem, digital, a Geração Millennials, dizendo que 61% prefere ter experiências boas, experimentado os produtos. E 72% dos Millennials estão se afastando do materialismo.


Catherine Fabbron também comentou sobre os desejos do consumidor dizendo que as pessoas não compram um produto e sim um conceito, estão movidas pelo prazer e querem experiências transformadoras, que venham junto com o produto ou serviço.

Outra abordagem foi sobre a Cosmetologia Estética mostrando que a Coreia do Sul e Japão têm enormes mercados skin care facial, quase três vezes o tamanho de seus mercados hair care.
Quem encerrou o ciclo de palestras foi a Tatiana Yumi, Gerente de Comunicação de Mercado & Inovação - Cosmotec, com o tema: "Estratégias Comerciais e de Marketing no Mundo Tecnológico: como a Tecnologia se alia à Beleza e Saúde"


Tatiana Yumitrouxe as tendências do mercado internacional, dados e informações observadas através de um estudo realizado especificamente para o público da Melhor Idade. Foram apresentadas as novidades, os últimos lançamentos em produtos cosméticos e as soluções em ingredientes que a Cosmotec oferece para esse mercado específico que está em ascensão.
A Gerente de Comunicação revelou dados importantes sobre a população madura, afirmando que 50% dos bebês nascidos após o ano 2000 em locais desenvolvidos viverão até 100 anos. E em 2050, 64 milhões de brasileiros terão mais de 60 anos. Por isso, a indústria está se adequando a esse público, a exemplo dos smartphones com telas grandes e teclas maiores. E até cosméticos para o público sênior. ?Esse público é mais exigente, são os menos preocupados com a questão do preço e a estratégia de mercado ideal é um portfólio segmentado com produtos mais específicos?, afirmou.
Tatiana Yumi mostrou dados de Produtos Skin Care utilizados pelos 60+, como: Hidratante Facial (60%); Limpeza Facial (40%); Máscaras faciais (20%); Antirrugas (35%) e Hidratante Corporal (50%).
E 38% das brasileiras utilizam produtos anti-aging facial: de 18 a 24 anos (16%); de 25 a 34 anos (33%) e de 35 a 60+ (51%).
E por fim, destacou as novidades do mercado internacional, onde entre as estrelas estão a Vitamina C , antioxidantes, ácido hialurônico, óleo Meadowderm e os protetores contra a poluição e os raios UV.

O evento trouxe temas inovadores e palestrantes gabaritados abordando o que os profissionais e acadêmicos da área querem e precisam saber, assim como os profissionais de comunicação que necessitam de maior embasamento para a elaboração das matérias.



Voltar ➤