ARTIGOS

TIPOS DE PELE

TIPOS DE PELE: CARACTERÍSTICAS E ATIVOS APLICADOS

A pele é o maior órgão do corpo humano com área aproximada de dois metros quadrados e 12% do peso seco total do corpo. Apresenta funções essenciais para o organismo, como: funções sensoriais, de proteção, impedimento de perda de proteínas e água para o exterior, participação do sistema imunológico, regulamentação da temperatura corpórea, produção de vitamina D3, excreção de eletrólitos, pigmentação, defesa, transpiração e nutrição.

Diversos fatores interferem na aparência da pele, tais como: sexo, idade, clima, alimentação, estado de saúde e genética. A coloração da pele é determinada pela quantidade de melanina produzida e sua distribuição.

Sob ponto de vista histológico, a pele está estruturada, em três camadas: a epiderme, a derme e a hipoderme.

A Epiderme é a camada superior, tem uma espessura variável, e apresenta como principal função a produção de queratina, feita através dos queratinócitos. Apresenta ainda outras funções como de impermeabilidade cutânea, retenção de eletrólitos, água e substâncias solúveis, e proteção contra a entrada de microrganismos, corrente elétrica, radiação UV e substâncias tóxicas. A queratina por eles produzida tem como função reter a água no estrato córneo conferindo impermeabilidade à pele.

A Epiderme é subdividida em cinco camadas: Estrato córneo, a camada mais superior; Estrato lúcido, presente apenas nas solas dos pés e nas palmas das mãos; Estrato granuloso; Estrato espinhoso ou malpighiano; e Estrato basal ou germinativo.

A Derme é a camada intermediária e tem espessura de 15 a 40 vezes maior do que a Epiderme. É formada por tecido conjuntivo, onde se situam os vasos sanguíneos e linfáticos, os nervos e os anexos da pele (glândulas sebáceas, glândulas sudoríparas e pelos). A Derme é um tecido forte, com propriedades viscoelásticas, maleável e que dá apoio à epiderme. Divide-se em duas partes: a camada papilar e a camada reticular (mais profunda). O tecido conjuntivo é formado por diversos tipos de células, entre elas estão os fibroblastos, fibrócitos, melanócitos, macrófagos teciduais, mastócitos e leucócitos sanguíneos, e apresenta uma capacidade grande de regeneração e tem como funções principais: defesa, sustentação, preenchimento, transporte, nutrição e reparação. Presentes neste tecido estão as fibras elásticas, reticulares e colágenas, podendo ter mais de um dos tipos de fibras em cada tecido, determinando assim quais são as propriedades do mesmo. Dentre todas as células presentes na derme, os fibroblastos são as principais, que produzem: elastina, colágeno, outras proteínas da matriz e enzimas. 

A Hipoderme é a camada mais profunda, é constituída por tecido conjuntivo, variando do tipo adiposo ou frouxo, conectando a pele com a fáscia dos músculos. Possui propriedades protetoras contra traumatismos e variações térmicas, e uma vascularização mais profunda. Pigmento (lipocrômico), colesterol, vitaminas e água são os componentes que fazem parte deste tecido, assim como nervos e vasos que se dirigem a derme. O tecido conjuntivo adiposo tem como principal função armazenar energia do organismo, através dos adipócitos, principal célula presente neste tecido.

A pele pode ser classificada em quatro tipos, de acordo com a quantidade de água da pele, que interfere na elasticidade e a quantidade de lipídios, que infere na nutrição e suavidade da pele.


·  Pele Normal - Tem textura saudável e aveludada, é o menos frequente dos tipos de pele. Possui elasticidade ideal e produz lipídios em quantidade adequada. Normalmente, apresenta um aspecto rosado, com poros pequenos e pouco visíveis, e é pouco propensa ao desenvolvimento de espinhas e manchas.

·  Pele Seca - Poros poucos visíveis, pouca luminosidade e é mais propensa a descamação e vermelhidão, devido a perda de água em excesso. Apresenta maior tendência ao aparecimento de pequenas rugas e fissuras. A pele seca pode ser causada por fatores genéticos e hormonais, e também por condições ambientais, como o tempo frio ou seco, o vento e a radiação ultravioleta. Banhos demorados e com água quente podem provocar ou contribuir para o ressecamento da pele.

·  Pele Mista - Apresenta aspecto oleoso e poros dilatados na ?zona T? (testa, nariz e queixo) e seco nas bochechas e extremidades. É o tipo de pele mais frequente. Tem espessura mais fina, com tendência à descamação e ao surgimento de rugas finas e precoces.

·  Pele Oleosa - Tem aspecto mais brilhante, úmido e espesso, por causa da produção de sebo maior do que o normal. Apresenta os poros dilatados, e maior tendência à formação de acne, cravos e espinhas. A pele oleosa pode ser causada por alterações hormonais, excesso de sol, estresse e uma dieta rica em alimentos com alto teor de gordura, além da herança genética. A oleosidade varia de um dia para o outro e diminui a tendência ao aparecimento de rugas e linhas de expressão.

Ativos específicos devem ser utilizados de acordo com o tipo de pele para equilibrar o nível hídrico e de oleosidade. Alguns exemplos são:

·  Pele Normal - Sodium PCA (and) sodium lactate (and) arginine (and) aspartic acid (and) PCA (and) glycine (and) alanine (and) serine (and) valine (and) proline (and) threonine (and) isoleucine (and) histidine (and) phenylalanine? é um blend de aminoácidos, que somados ao PCA Sódico e Lactato de Sódio, ativos altamente hidratantes, exercem atividade biomimética da pele, mantendo-a saudável.

·  Pele Seca - Hypnea musciformis Extract (and) Gellidiela acerosa Extract (and) Sargassum filipendula Extract (and) Sorbitol? é um ativo marinho de alto desempenho, desenvolvido a partir da cuidadosa combinação de algas vermelhas e marrons em uma proporção especialmente formulada para a obtenção de máximo efeito sobre a pele. As interações iônicas entre os grupos sulfato dos poligalactosídeos e os radicais amina da pele conferem a este ativo elevada substantividade cutânea e capacidade de formação de película protetora, com ótimo desempenho sensorial e um toque suave, hidratando e conferindo ação firmadora à pele. Ajuda a manter a integridade da barreira cutânea, evitando a perda de água transepidermal da pele sensibilizada.

·  Pele Mista e Oleosa - Salix alba bark Extract é um extrato obtido do salgueiro branco, fonte de salicina, um glicosídeo do ácido salicílico. Ele oferece benefícios superiores ao do ácido salicílico, muito utilizado no combate à acne, devido as suas propriedades como esfoliante, por ter ação queratoplastica, antiinflamatória e antimicrobiana, mas sem causar irritação.

Referências:

Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatologica. Tipos de Pele. Disponível em: <https://www.sbcd.org.br/pagina/1586>. Acesso em: 05 Fev 2016.

Sociedade Brasileira de Dermatologia. Tipos de Pele. Disponível em: <http://www.sbd.org.br/cuidados/tipos-de-pele/>. Acesso em: 05 Fev 2016.

Artigo da equipe do ISIC com a colaboração da Farmacêutica Patrícia Andrei Saslavsky 


Voltar ➤